Programação do Novembro Negro segue em Conquista

O Dia da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro, data da morte de Zumbi dos Palmares. Apesar de Vitória da Conquista promover diversas atividades durante todo o mês de novembro, o dia 20 não está no calendário oficial das comemorações na cidade

Desde o início do de novembro, Vitória da Conquista está promovendo atividades em comemoração ao mês da Consciência Negra. O chamado Novembro Negro tem em 2014, o lema “Todos por uma Conquista Afirmativa”.

Várias atividades já foram realizadas ao longo das semanas, dentre elas o Seminário “A presença indígena e quilombola no ensino superior” e uma roda de conversa sobre a juventude quilombola.

A programação do Novembro Negro segue nessa quinta-feira (20) com uma sessão especial na Câmara de Vereadores para a entrega dos troféus Zumbi dos Palmares. Na solenidade, marcada para as 08h30, também serão apresentados a Coordenação e o Conselho Municipal da Igualdade Racial.

No sábado (22), haverá caminhada com concentração na Praça Sá Barreto, até a Praça da Juventude a partir das 08h00. Também será realizado às 17h00 o I Fórum Contra o extermínio da Juventude Negra, na Paróquia São Miguel Arcanjo, no Alto Maron.

Ainda neste mês, a Fundação Cultural Palmares promove o seminário “A questão quilombola na Fundação Cultural Palmares – Reflexões sobre direito quilombola” com a Dra. Dora Bertúlio, Procuradora da República e Chefe da Procuradoria da Fundação Cultura dos Palmares.

O Dia da Consciência Negra é celebrado em 20 de novembro, data da morte de Zumbi dos Palmares. Zumbi foi o último líder do maior dos quilombos do período colonial, o Quilombo dos Palmares. Comemorado há mais de 30 anos por ativistas do movimento negro, a data foi incluída em 2003 no calendário escolar nacional. Contudo, somente a Lei 12.519 de 2011 instituiu oficialmente o Dia Nacional de Zumbi e da Consciência Negra.

Apesar de Vitória da Conquista promover tais atividades durante todo o mês de novembro, o dia 20 não está no calendário oficial das comemorações na cidade. Apenas três municípios baianos têm o Dia da Consciência Negra como feriado determinado por lei municipal: Alagoinhas, Camaçari e Serrinha.