Mostra Cinema Conquista volta a ocupar bairros e distritos

Praça Guadalajara, Espaço Comunitário Seu Rosa e Uesb serão algumas da sede do evento

Após um ano sem ser realizada, a 12ª edição da Mostra Cinema Conquista – Um olhar para o novo cinema está confirmada. Entre 19 e 24 de novembro, a cidade recebe dezenas de curtas e longa-metragens, além de profissionais importantes do cinema nacional – divididos em rodas de conversa, conferências e oficinas.

Em 2017, uma importante característica do evento também está de volta: a circulação em múltiplos pontos na cidade. Nesta edição, as exibições serão realizadas na Praça Guadalajara (Praça da Normal), no Espaço Comunitário Seu Rosa, localizada no bairro Nova Cidade e nas tendas itinerantes que percorrerão escolas municipais em diversos distritos da cidade.

“Este é um ponto muito prestigiado pela Mostra, pois são raros os eventos deste porte que prezam pelo acesso da periferia e comunidades carentes, ainda mais se tratando de cinema nacional. Há muito tempo a Mostra realiza a sua programação em vários tipos de espaços, mas por conta dos recursos, que diminuíram, não foi possível na última edição. Em 2017, estamos retornando com a Mostra no formato que ela sempre gostou de fazer”, conta o coordenador geral Esmon Primo.

O evento, que teve sua última edição em 2015, é um espaço privilegiado para a discussão dos temas e manifestações importantes do cinema brasileiro. A Mostra mantém uma curadoria sempre voltada para trazer um panorama interessante da produção cinematográfica brasileira que, apesar das suas adversidades e desafios, se mantém diversa e rica.

Para Esmon é sempre importante dar continuidade a tudo aquilo que fazemos, ainda mais quando é um evento cultural. “Perder a continuidade resulta numa série de prejuízos, como o distanciamento do público, que acaba se desatualizando, por causa da produção muito grande que o nosso cinema está atualmente”, afirma.

 

Homenagem

Esta edição homenageia o cineasta baiano Tuna Espinheira, pela sua inestimável contribuição com trabalhos deixados ao longo dos seus 44 anos dedicados ao cinema. Nascido em Salvador, Espinheira passou parte de sua infância e início da adolescência na cidade de Poções e faleceu em 2015. Sua vida e obra serão retratadas por meio de uma exposição, assinada pelos artistas Vinícius Gil (Purki) e Carlos Rizério.

Mostra Cinema Conquista – Ano 12 é uma realização do Governo da Bahia, por meio da Secretaria da Fazenda (Sefaz/BA), Secretaria de Cultura (Secult/BA), Fundo de Cultura e Instituto Mandacaru de Inclusão Sociocultural. Conta com o apoio financeiro da Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista (PMVC) e apoio institucional da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), Curso de Cinema e Audiovisual da Uesb, Programa Janela Indiscreta, Instituto de Radiodifusão do Estado da Bahia (IRDEB) e Diretoria de Audiovisual, da Fundação Cultural da Bahia (DIMAS/FUNCEB). O evento tem ainda o apoio cultural do Canal Brasil, TVE Bahia, TV Sudoeste, Sistema Uesb de Rádio e TV Educativas (SURTE) e Schin.